Ração ou Comida Caseira
in

Ração ou Comida Caseira: O que é melhor para o seu cachorro ?

Publicidade

Os cães são animais que devem ser alimentados com diferentes ingredientes de origem vegetal e animal. Embora hoje se tenha a praticidade de serem alimentados por seus tutores, nem sempre isso aconteceu. Os ancestrais dos cães domésticos dependiam da caça para sobreviver.

O contato social do cão com humanos promoveu mudanças na alimentação do peludo. Este deixou a condição de caçador e começou a depender diretamente do seu responsável.

No início desta relação, os cães recebiam sobras das refeições dos seus tutores, o que, consequentemente (também devido às mudanças alimentares dos humanos), acarretou em doenças intestinais e metabólicas (como a obesidade), pois os cães possuem exigências nutricionais específicas, diferentes da alimentação humana.

A ração seca, como conhecemos, foi pensada em 1957, e facilmente popularizou-se.

As rações secas foram formuladas para suprir todas as necessidades nutritivas dos cães a partir de único alimento, de forma acessível e prática, aplicável ao estilo de vida moderno.

Contudo, ainda hoje, estes alimentos processados contém substâncias, como aditivos e corantes, que aumentam o prazo de validade e melhoram o aspecto do alimento, mas que trazem à tona preocupações quanto às possíveis implicações na saúde animal.

Com isso, questionamentos como “qual a dieta ideal para o cão?” ou “é melhor ração ou comida caseira ao cão?” surgem e dividem a opinião pública. Alguns especialistas defendem alternativas à ração seca por acreditarem que esta pode reduzir a expectativa de vida dos animaizinhos.

Algumas opiniões mais radicais, comparam o alimento processado industrial para cães a junk food na alimentação humana.

Uma alternativa às rações industriais é a comida caseira.

Se considerarmos alimentação caseira, as sobras de refeições humanas para fornecer aos cães, esta situação é totalmente contraindicada.  Entretanto, se partirmos do princípio que, a comida caseira preparada pelo tutor, apresenta balanceamento de todos os nutrientes necessários ao bem estar e saúde do animal, sim, esta é a melhor forma de alimentar o cão.

Publicidade

Quando o tutor opta pela alimentação caseira, deve estar consciente de que é preciso elaborar refeições específicas para o cachorro, pensando-se na biologia do animal. Nem todos os alimentos devem ser oferecidos ao cão. Por exemplo, cebola, abacate, uva e chocolate, são alimentos que devem passar longe do pet.

Não é fácil manter a alimentação caseira natural dos cães. Para isto funcionar de forma saudável, é necessário planejar a dieta do animal, formular a partir dos ingredientes disponíveis na região e ofertar quantidades adequadas.

Sem dúvida, é importantíssimo ter acompanhamento de profissional experiente em nutrição animal. E para driblar a correria de suas rotinas, os tutores que não conseguem cozinhar diariamente, podem fazer o congelamento das refeições em pequenas porções e descongelarem conforme a necessidade do dia.

Animais que recebem alimentação caseira natural, recebem dieta livre de conservantes e corantes, confeccionada com alimentos de qualidade. Sendo assim, vivem mais tempo, são mais calmos e comportados, mais atentos e adoecem bem menos.

Porém, se o tutor não buscar orientação profissional e não seguir as recomendações necessárias, é muito mais indicado que se continue a alimentação à base de rações industriais, pois assim, o animal estará recebendo uma dieta equilibrada e sofrerá menos por deficiência ou excesso de nutrientes específicos na alimentação.

Written by Ana Paula Maia

What do you think?

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
modo escuro do Whastapp

Modo escuro do WhatsApp já está disponível, veja como mudar | Portal Elos

ASUS notebooks

ASUS anuncia novos notebooks no Brasil