A

25% das mulheres não suportam a sogra

1

Receba atualizações em tempo real grátis

Toda mãe é uma futura sogra em potencial. A relação entre sogra e nora podem variar de ótimas a péssima. Mas segundo um estudo publicado no site Daily Mail, mostra que as mulheres não se dão tão bem com as sogras, e um quarto delas as descrevem como “controladora, intrometida e megera”.

Quase um terço das pesquisadas disse que as sogras as faziam se sentir como não merecedoras do marido.

Cerca de 2 mil mulheres responderam à pesquisa do site britânico, e acusaram suas sogras de sempre criticarem suas habilidades de mãe, inclusive na frente do parceiro e dos filhos.

Siobhan Freegard, co-fundador do Netmums, responsável pelo estudo, disse ao Daily Mail que as mães acham que as sogras as subestimam e interferem em seus relacionamentos. “No entanto, as sogras podem ser um grande apoio, e mais do que nunca hoje ajudam a cuidar das crianças”, disse.

A pesquisa também descobriu o perfil da sogra perfeita: jovem de espírito, independente, generosa e divertida, e que sabe a hora certa de oferecer a ajuda necessária e não se intrometer no resto do tempo.

Confira outros dados da pesquisa

sogre e nora
25% das mulheres não suportam a sogra, mas isso pode mudar, se as 2 quiserem
  • 24% descreveram seu relacionamento com a sogra como “ruim” ou “terrível”
  • 16% a chamam de “megera”
  • 22% consideram as mães dos maridos “rudes
  • 25% acham as sogras “controladoras
  • 35% acham que elas julgam demais
  • 32% acham que as sogras interferem demais na vida da família
  • 24% acreditam que as sogras são mais estressantes do que mudar de casa
  • 14% falaram que as sogras são piores do que enjoo matinal
  • 13% disseram que elas são piores do que amamentar o filho
  • uma em cada 10 mulheres se mudaram para ficar mais longe da sogra
  • 5% as acusou de serem o motivo pela separação do casal

Mas tem como isso mudar, confira dicas para melhorar a relação em sogra e nora

Se você é sogra

nora

Sogra e nora podem se respeitar, conviver bem, ter uma relação de mãe e filha. É importante perceber que a nora se tornou parte da família e não é aquela que rouba o filho para si, afastando-o da família.

A sogra deve lembrar que muitos palpites, tomar partido, tentar resolver situações sem a permissão do casal, mais atrapalham do que ajudam. Agora, proximidade no sentido de auxiliar no crescimento do neto, trocar experiências, podem ser válidas.

Você também já foi nora. “Lembre-se: assim como você se casou com o filho de alguém um dia, alguém vai se casar com o seu”, diz o psicólogo Victor Dalla Nora. “Tem sogra que esquece que já foi nora. Mas dá para se por no lugar da nora e fazer uma autocrítica”, afirma a psicóloga Victoria Rassam.

Se você é nora

Encarar a relação com a sogra como uma competição é um dos principais erros da nora, segundo a psicóloga Elisabete Meneses.

Aceite seus sogros de braços abertos e os trate com a mesma importância que trata a sua família, onde nasceu e cresceu. Apesar de duas famílias nunca serem iguais, manter uma atitude positiva diante das pessoas que acabou de conhecer irá te levar longe para nutrir uma bela nova relação, que poderá durar a vida inteira.

Sempre ter uma posição possessiva com seu filho pode chatear a sua nova família, especialmente os pais de seu marido. Da mesma forma que você queria e esperou por um bebê, eles também. Permita que eles passem tempo com seus netos e até sejam babás dele/dela às vezes. Isso ajudará não só a ter um tempo para você mesma, mas também deixará seus sogros contentes, já que terão um tempo sozinhos com o bebê. A ideia será benéfica para ambos, já que seu filho irá receber bons valores e moral do vovô e da vovó, e ao mesmo tempo isso fará com seus sogros se encham de amor por você também.

Receba atualizações em tempo real grátis

1 comentário
  1. raul Diz

    cccccccc

Deixe um cometário :)

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.