Anemia Falciforme – a condição hereditária mais comum no Brasil

0

Receba atualizações em tempo real grátis

Conhecida como doença falciforme ou também anemia falciforme esta doença hereditária atinge cerca de 7 milhões da população brasileira, com cerca de 3,5 mil casos por segundo no país.

O que é anemia falciforme

Causada por uma mutação genética a anemia falciforme deforma os glóbulos vermelhos, que perdem seu formato natural e adquirem então o formato de uma “foice” e endurecem, tal formato dificulta ou até mesmo bloqueia a passagem do sangue por alguns vasos sanguíneos menores e ocorrem então uma menor oxidação dos tecidos.

Qual a diferença entre doença falciforme e anemia falciforme

Uma doença falciforme é toda é qualquer doença que seja causada pela anomalia nos glóbulos vermelhos, a doença falciforme pode causar desde: anemia, dores, fadigas, infecções e alterações nas funções de diferentes órgãos. Já a anemia é apenas uma das principais e mais comuns doenças causadas pela doença falciforme.

O que causa a anemia falciforme

A anemia falciforme é genética e hereditária, ou seja, é herdada dos pais, a anemia falciforme se dá quando uma pessoa herda dois genes alterados, sendo um do pai e outro da mãe. Desta forma a anemia falciforme não é algo que pode ser controlado ou diretamente combatido, sendo essencial que tal anomalia seja detectada rapidamente afim de iniciar os tratamentos precocemente e evitar grandes complicações no futuro.

Sintomas da anemia falciforme

Alguns dos sintomas da presença da anemia falciforme são:

  • Dores articulares;
  • Fadiga;
  • Palidez;
  • Atraso no processo de crescimento;
  • Feridas nas pernas: As feridas nas pernas costumam aparecer próximo aos tornozelos e a partir da adolescência, caso não tratas precocemente tais feridas podem ser um grande problema e levar anos para cicatrizarem.
  • Síndrome mão-pé: em crianças pequenas as crises tendem a acontecer nos vasos sanguíneos presentes nas mãos e pés dos menores, causando dor, inchaço e vermelhidão no local.
  • Infecções: Pessoas que contraem doenças falciformes estão mais propensas a infecções, já crianças possuem grandes chances de contrair pneumonia e meningite; nestes casos elas recebem vacinas especiais para prevenir tais complicações.
  • Problemas neurológicos, cardiovasculares, pulmonares e renais;
  • Priapismo;
  • Grandes dores provocadas pelo bloqueio do fluxo sanguíneo e pela baixa oxigenação dos tecidos sanguíneos;
  • Pedra na vesícula/Cálculo biliar

Tratamento de anemia falciforme

Portadores de anemia falciforme precisarão de acompanhamento médico de forma frequente e durante toda a vida, sendo importante o diagnostico precoce, os tipos de tratamentos podem ser diferentes para cada tipo de pessoa e a forma como a anemia age na mesma; poderá por exemplo haver indicações de remédios para a diminuição de grandes dores que é tratado através da hidroxiureia, poderá ocorrer a terapia de transfusão regular, troca de hemácias etc. Sendo desta forma indispensável o acompanhamento médico profissional durante todo o período de tratamento.

A anemia falciforme pode ter cura, a mesma se dá através do transplante halogênico de medula óssea, entretanto tal transplante é muito difícil de se acontecer pois dificilmente a pessoa possui um doador compatível para o procedimento.

Qual exame detecta anemia falciforme

O exame laboratorial chamada eletroforese de hemoglobina é um exame especifico para a identificação e diagnostico desta doença; entretanto se é possível detectar a presença da anemia falciforme até mesmo no comum teste do pezinho, que é realizado logo após o nascimento da criança.

Dentre os especialistas que podem diagnosticas e tratar da anemia falciforme podem-se citar: pneumologista, pediatra (para crianças especificamente), clinico geral e hematologista; sendo desta forma de grande importância que você conte com os melhores planos de saúde, obtendo atendimento médico especializado e acompanhado para todos os momentos de sua vida, garantindo a segurança de diagnósticos precoces para os mais diversos tipos de doenças que você possa vir a contrair.

Receba atualizações em tempo real grátis

Deixe um cometário :)

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

close