A

6 dicas para ajudar alguém com crise de ansiedade

0

Receba atualizações em tempo real grátis

Medo constante, pensamentos acelerados, problemas de concentração,  falta de ar, dores no peito, preocupação exagerada e tremores são apenas alguns sintomas de ansiedade. Diante de uma rotina cada vez mais agitada e do senso de urgência da vida, esse transtorno já atinge 33% da população mundial de acordo com a Organização Mundial de Saúde. No ranking dos países que mais apresentam casos da doença, o Brasil é liderança, já que  deste percentual, 18,6 milhões de brasileiros convivem com a ansiedade, de acordo com a OMS. 

Apesar do número alto de diagnósticos, o tabu em relação à saúde mental e ao tratamento especializado ainda existe e isso pode dificultar o auxílio às pessoas em plena crise de ansiedade. Conhece alguém que sofre com esse problema ou quer saber mais sobre o assunto? Confira 6 dicas para ajudar uma pessoa com ansiedade!

1.Não crie suspense para contar alguma coisa

Um inofensivo “depois eu te conto” ou  qualquer outro clima de surpresa para contar uma novidade, pode ser um gatilho para uma pessoa ansiosa. Por isso, evite frases com essa conotação, caso não seja necessário. A cabeça de uma pessoa ansiosa pode remoer por horas a possível resposta e isso definitivamente não é legal.

2. Evite frases motivacionais e seja compreensivo

Falar coisas do tipo “você consegue” ou “isso é coisa da sua cabeça, supere” definitivamente não vai amenizar uma crise de ansiedade. Seja mais compreensivo e troque essas palavras por “entendo você” ou “estou aqui”. Ter uma compreensão sincera é algo que pode ajudar de forma muito mais efetiva quem é ansioso (a), afinal, os sintomas psicológicos também refletem no corpo e ansiedade não é frescura.

3. Convide a pessoa para dar uma volta

Chamar a pessoa para caminhar ou dar uma volta pode amenizar uma crise de ansiedade. Por isso, faça o convite. Caso a pessoa aceite, fale de memórias boas e procure distraí-la, mas fique atento (a) às reações. Se notar algo incômodo, pare imediatamente.

Veja em nosso site :  Aplicativo Ajuda Pessoas Com Ansiedade

4. Ofereça ajuda em pequenas coisas

Uma pessoa ansiosa tem mais problemas de descontração e pode se perder facilmente nas tarefas do dia a dia. Por isso, se você puder ajudar essa pessoa a lembrar das atividades, com uma planilha ou lembretes, saiba que isso pode evitar um pequeno caos caso a pessoa esqueça do compromisso. Além de ser algo útil, oferecer ajuda mostra que você se importa e sem dúvidas, afeto é algo que faz a diferença.

5. Ouça

Às vezes, tudo o que uma pessoa ansiosa precisa é de alguém que esteja disposto (a) para ouvi-la em um momento difícil. Se você gosta de alguém com ansiedade, seja um ombro amigo real e escute com o coração. Isso pode ajudar a pessoa a se acalmar. Não é necessário ter todas as respostas e, aliás, evite fazer perguntas que podem deixar a pessoa ainda mais ansiosa.

6. Se coloque no lugar do outro

Não é porque você não tem ansiedade que isso não existe. Como dizem as frases populares “custa zero reais se colocar no lugar do outro”. Por isso, antes de julgar a pessoa como desesperada ou desequilibrada pare e pense se fosse com você. Empatia não é uma palavra bonita para somente ser compartilhada e sim vivida no sentido real.

Agora que você conhece um pouco mais sobre os sintomas da ansiedade e como ajudar uma pessoa que sofre com esse problema, compartilhe essas ideias com outras pessoas.  É chato para o ansioso ter que ficar explicando toda hora porque ele sofre por antecipação ou odeia frases otimistas em meio à uma crise.

Vamos passar para frente essas dicas? Compartilhe esse post!

Receba atualizações em tempo real grátis

Deixe um cometário :)

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.