5 revelações secretas sobre a vida de Michael Jackson

3

Receba atualizações em tempo real grátis

Já se passaram 6 anos da morte do “Rei do Pop” Michael Jackson, e somente agora dois ex-seguranças revelam segredos íntimos do “Rei da Pop”, o Jornal Daily Express, falou com os ex-seguranças do cantor, Bill Whitfield e Javon Beard, que trabalharam para o Michel de dezembro de 2006 até ao seu último dia de vida.

Os dois escreveram um livro que explora a vida secreta de um dos homens mais famosos no mundo — Remember The Time: Protecting Michael Jackson In His Final Days, no livros eles relatam alguns dos momentos mais íntimos do artista. “Tivemos o privilégio de fazer parte da equipe de segurança de Michael Jackson os seus últimos dois anos e meio de vida. Nesse tempo chegamos a conhecer uma pessoa amável e generosa, um pai carinhoso, nada que ver com a figura que era caracterizada nos jornais”, garantiu a dupla. Veja mais algumas revelações dos seguranças:

Tinha amores secretos

amores

Segundo os autores do novo livro, o cantor teve, pelo menos, duas namoradas secretas nos últimos anos de vida. Ambas viviam fora dos EUA. Os seguranças conheceram-nas quando elas visitaram o artista em Middleburg, na Virgínia — a sua presença foi ocultada da família, dos assessores e dos próprios filhos. Os seguranças nunca chegaram a conhecer o nome delas, mas Michel Jackson sempre as chamavam de “Friend” e “Flower” (“Amiga” e “Flor”, em português).

Acreditava que estava sendo espionado

paparazzi

O artista vivia com medo de estar sendo vigiado, por esse motivo, Michael Jackson exigia que todos os quartos de hotéis ou salas de conferência que ele usasse, fossem meticulosamente inspecionados, para garantir que não tinham quaisquer câmaras ou gravadores. Só depois de feita a vistoria é que o cantor entrava nos lugares (caso suspeitasse da presença de gravadores e afins, insistia em trocar de quartos e salas).

Brigas familiares eram frequentes

briga

A mãe de Jackson era a única pessoa que o podia visitar sem qualquer aviso. Todos os outros membros da família, incluindo sua irmã Janet, tinham que marcar visita com antecedência, caso contrário o artista recusava-se de vê-los. Por várias vezes, os seus irmãos tentaram arrombar o portão, mas foram expulsos pela equipe de segurança.

Era um apaixonado pela literatura

michael jackson lendo

Michael Jackson era um ávido leitor, podia ser livro de qualquer tema — desde história a arte, passando ainda pelo campo da ciência. A paixão pelos livros era tão grande que, numa só ida a livraria o cantor comprou livros no valor de 5 mil dólares, mas o maior gasto teria sido em 2007, durante uma visita a Las Vegas, quando o cantor se apaixonou por uma livraria de livro usados e a comprou por 100 mil dólares.

Os filhos tinham outros nomes

filhos michael jackson

Michel Jackson exigia que os seus filhos usassem máscaras em público, para se esconderem dos paparazzi. Mas a segurança com as crianças não ficava apenas nisso, os filhos tinham nomes secretos que deviam ser usados entre eles e pelos seguranças para comunicação via rádio. Os pequenos não podiam usar os nomes reais fora de casa.

Receba atualizações em tempo real grátis

3 Comentários
  1. Sebastião Diz

    Sem comentários

  2. paulo Diz

    o astro do pop

  3. maria porto Diz

    Nem o homem morto o povo não deixa em paz, eita povo miseravel. Deixa que ele descançe em paz.

Deixe um cometário :)

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.