A

Menino de 5 anos consegue assistir a aula no hospital com a ajuda de um robô

Caters News Agency

Receba atualizações em tempo real grátis

Oscar Saxelby-Lee, um garotinho de 5 anos, conseguiu assistir às aulas em uma cama de hospital graças a ajuda de um robô.

Oscar, teve suas aulas suspensas para se submeter a um transplante de medula óssea e estava longe da escola desde dezembro, quando foi diagnosticado com leucemia linfoblástica aguda, um tipo severo de câncer.

Com o tratamento ainda em andamento, Oscar, pode dar continuidade às aulas e interagir com os professores e colegas da Escola Primaria Pitmaston, através de seu robô, chamado carinhosamente de Ozzybot.

O pequeno robô, possui uma câmera e microfone com áudio Bidirecional, o que possibilita o retorno de Oscar às aulas e a continuidade de suas atividades após sete meses afastado, facilitando a comunicação com seus colegas de classe que ficaram animados em poder interagir com ele.

Na mobilização feita pela escola, compareceram cerca de 4.855 potenciais doadores, que durante horas debaixo de chuva aguardaram para fazer o teste. Outros eventos semelhantes também motivaram outros 5.000 na cidade natal de Oscar, Worcester.

Leia em nosso site :

Robôs Irão Tomar Metade Dos Empregos De Hoje Em 10 A 20 Anos

Conheça O Robô Que Passa E Dobra As Roupas

Novo Robô Irá Construir Uma Casa Em 2 Dias

Com os testes foram encontrados três possíveis doadores e a família do aluno pode comemorar e informar que o transplante havia sido bem sucedido.

Olivia Saxelby, 24 anos, que apresentou ao seu filho estava “na lua”, um robô AV1 controlado por aplicativo, que tinha capacidade de projetar expressões felizes ou tristes em seu “rosto”.

Oscar Saxelby-Lee Ozzybot
Oscar participa das atividades na sala de aula com Ozzybot

A mãe de Oscar disse : “Seu rosto se iluminou. Era a primeira vez que ele tinha contato com a escola, desde dezembro, foi uma sensação incrível para nós como pais e para ele que poderia retomar a normalidade em sua vida”.

O AV1 foi desenvolvido por uma empresa norueguesa, em 2015. Contém uma câmera, microfone e alto-falante e pode ser movido de uma sala para outra, além de poder ser removido para atividades externas, tais como, uma viagem ou uma festa de aniversário.

O AV1 tem dois motores, para elevar e abaixar a cabeça e girar 360 graus. Um aplicativo permite que Oscar ajuste o rosto do robô para se comunicar de acordo com o que está sentindo e também pode mudar a cor dos olhos de Ozzybot.

Os pacotes de locação para o AV1 começam em £ 222 por mês, enquanto o aparelho pode ser comprado por £ 2.799. O dispositivo de Oscar foi financiado pelo Grace Kelly Childhood Cancer Trust. (Fotos Caters News Agency)

Receba atualizações em tempo real grátis

Deixe um cometário :)

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.