in

8 temas da atualidade que podem cair no Enem

Publicidade

Este ano, cerca de 5,7 milhões de estudantes devem fazer a prova do Enem, marcada para os dias 3 e 4 de novembro. O exame é conhecido por conter questões que trazem o aluno para discussão da sociedade na qual ele está imerso, com isso separamos 8 temas que podem cair no Enem, que são :

Crise no Paraguai: Devido a queda do seu ex-presidente Fernando Lugo por meio de um golpe político e ao afastamento do país do Mercosul, o Paraguai deve ser um assunto bastante explorado no exame. O atual presidente paraguaio mudou a política adotada por Lugo e está próximo dos fazendeiros e distante da população. Com o golpe o Paraguai foi afastado do Mercosul e, com isso, foi oficializada a entrada da Venezuela ao bloco.

Wikileaks e Esquador: Recentemente o Equador deu asilo político a Julian Assange, responsável pelo site Wikileaks que já divulgou diversas informações confidenciais sobre várias nações do mundo.

Aquíferos: aquíferos são lagos subterrâneos de grande profundidade e frequentemente são cobrados no Enem. O mais famoso no Brasil é o aquífero de Guarani e, como muitos outros, está sendo contaminado. Além disso, existe o aquífero Alter do Chão, com uma quantidade de água 2 vezes maior do que o de Guarani e localizado sob os estados do Pará, Amazona e Amapá.

Revisão da política de imigração brasileira: Devido ao trabalho assistencial que o Brasil tem realizado no Haiti desde o terremoto, muitos haitianos têm emigrado para o Brasil em busca de uma vida melhor. Além disso, muitos europeus têm vindo ao Brasil em busca de emprego e porque o País tem carência de mão-de-obra especializada. Devido a estes motivos a lei de imigração deve ser repensada no Brasil.

Publicidade

Mensalão: O julgamento do Mensalão tem marcado a história da democracia brasileira, por romper com a carga de impunidade que leva a política no Brasil. Além disso, é um bom tema para ser explorado na redação do provão, pois envolve ética.

Eleição para presidente dos Estados Unidos: Obama X Romney? Qual é melhor para o Brasil? Qual é melhor para os Estados Unidos? O Obama fez um bom trabalho com a saúde nos Estados Unidos e se destaca por ser um presidente negro que presta assistência a minorias. Os republicanos (partido de Romney) são mais neoliberais e individualistas, já os democratas (partido de Obama) acreditam que o Estado deve promover o bem-estar social. Entretanto, estes últimos são mais protecionistas e isso, de certa forma, prejudica a economia brasileira. Em geral, o Brasil se dá melhor economicamente com presidentes republicanos.

20 anos do impeachment do Collor: Um marco na democracia brasileira, o impeachment do Collor completa 20 anos em 2012, por isso, é um bom tema a ser explorado no Enem.

Nova classe média: Cerca de 60% da população brasileira está na classe média, a grande salvadora do Brasil nessas diversas crises pelas quais passamos desde a bolha financeira nos Estados Unidos em 2008. O que nos salvou foi nosso mercado interno fomentado por linhas de crédito e financiamentos. Entretanto, de acordo com o mesmo, “o crescente endividamento da nova classe média brasileira reflete uma falta de educação financeira, o que pode comprometer nossa economia.

Fonte: Universia Brasil

Written by Leandro Isola

Criador do Porta Elos, formado em Gestão de TI e pai do João Olavo. É apaixonado livros e boa informação.

Comente !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Atualização do Xbox 360

Previsão do tempo com Turma da Mônica