in

A dupla Max e Mariano some da internet depois da música sobre ‘revenge porn’

max e mariano

A dupla sertaneja Max e Mariano lança música com apologia a pornografia de vingança e recebe enxurrada de críticas nas redes sociais, veja um trecho :

“Eu vou jogar na internet
Nem que você me processe,
Eu quero ver a sua cara
Quando alguém te mostrar;
Quero ver você dizer que não me conhece”.

A repercussão foi tão grande que fez os sertanejos deletarem site oficial e todos os perfis em redes sociais, o vídeo da canção ‘Eu vou jogar na internet’, que tornou os cantores conhecidos em todo o país, foi deletado nesta terça-feira, 7, uma semana após o lançamento. A canção já era alvo de críticas desde a primeira divulgação, ainda sem clipe, no dia 15 de março. Na letra, os artistas fazem apologia ao “revenge porn”, expressão em inglês que define o ato de publicar imagens íntimas como forma de vingança. No Brasil, a prática popularizou-se como “caiu na net”.

max

Quem assistiu ao vídeo reclamou que mulheres que são humilhadas após terem vídeos íntimo divulgados pelos parceiros, sem contar “revenge porn” é crime. Até o Romário publicou um repudio no seu Facebook:

Assunto muito sério, galera!Recebi a música de dupla sertaneja que me deixou indignado. A letra narra uma história…

Posted by Romário Faria on Terça, 7 de abril de 2015

“O fim de uma carreira que não começou”, profetizou um internauta no perfil dos cantores. “Mulheres se suicidam por causa disso”, alertou outro. Uma mulher apontou que “isso é apologia ao crime”, enquanto outra usuária aconselhou: “tirem esse vídeo do ar, antes que fique mal para suas carreiras”.

Veja em nosso site Vítima de “ revenge porn ” detona agressor no Facebook

Written by Leandro Isola

Criador do Porta Elos, formado em Gestão de TI e pai do João Olavo. É apaixonado livros e boa informação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Estudante estava com dor veja o que tinha na sua garganta

atestados medicos no trabalho

Conheça as regras dos atestados médicos no seu trabalho