in

Apple e Google são acusados de conspiração

Um juiz da Califórnia, nos Estados Unidos, solicitou que Google, Apple e outras cinco empresas de tecnologia apresentem seus argumentos frente à acusação de que as companhias tenham feito um acordo para não roubarem funcionários qualificados umas das outras. Além das duas companhias, Pixar, Intel, LucasFilm, Adobe e Intuit estão sendo investigadas. A ação coletiva, pedida por cinco engenheiros de software, acusa as empresas de conspirarem para manter a remuneração de funcionários baixa, eliminando a concorrência de mão de obra qualificada.

Em um e-mail enviado em 2007 pelo então CEO da Apple Steve Jobs, o executivo pedia ao então CEO do Google Eric Schmidt para que o departamento de recursos humanos parasse de tentar contratar um engenheiro da Apple. A mensagem teria sido encaminhada por Schmidt a funcionários do RH do Google, afirmando que a empresa teria uma política de não recrutar funcionários da Apple e que parassem esses tipos de ofertas de emprego.

O funcionário do Google responsável pela tentativa de contratação foi demitido, e o responsável pelo departamento de pessoal da empresa emitiu um comunicado afirmando que tudo não passou de um “incidente isolado” e pedindo “desculpa a Steve Jobs”.

Suposta conspiração para fixar remuneração de empregados - Fonte:Forbes

Segundo o jornal El País, o Departamento de Justiça dos Estados Unidos abriu uma investigação sobre o caso em 2009, mas ela não seguiu em frente. Em 2010, um antigo funcionário da LucasFilms acusou as empresas por violação das leis antimonopólio. A ação civil é coletiva, e mais pessoas podem se juntar a ela. Segundo o autor da ação, esses acordos ajudaram a evitar aumentos salariais entre 10% e 15%

Fonte : Istoé

Written by Leandro Isola

Criador do Porta Elos, formado em Gestão de TI e pai do João Olavo. É apaixonado livros e boa informação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Twitter pode bloquear conteúdo em alguns países.

Processos ao FBI pelo fechamento do MegaUpload