A atriz Cacau Protásio, uma mulher maravilhosa, talentosíssima e muito carismática gravou no corpo de bombeiros da praça da República, no Rio de Janeiro, para seu filme ”Juntos e Enrolados’.

Tudo foi bem, mas depois um grupo de bombeiros começou a xingar a atriz e 4 bailarinos, os audios eram de um grupo de WhatsApp que foram vazados e publicados na coluna do Leo Dias, no Uol.

“Olha a vergonha no pátio do quartel central. Essa mulher do Vai que Cola, aquela gorda, colocou a farda e botou os dançarinos viados com roupa de bombeiro. Isso é um esculacho, rapaz. Qual é a desse comandante? Vai deixar uma p… dessas no pátio do quartel?”

Outro áudio dizia

“‘Vergonhoso. Mete aquela gorda, preta, numa farda de bombeiro, uma bucha de canhão daquela, com um monte de bailarino viado, quebrando até o chão. Vão achar que é o que? Bombeiro? Aquilo é tudo viado. Lamentável.”

Depois da publicação, Cacau foi em sua conta do Instagram muito emocinada e disse

Um bombeiro fez vídeo de uma cena solta e espalhou, me chamando de negra, gorda, filha da puta. Não entendi porque tanto ódio. Eu sou negra, sou gorda, sou brasileira, sou atriz. Não mereço ser agredida assim, como nenhuma pessoa merece

Ainda durantes seu video ela chorou e lembrou que preconceito é crime, veja :

 

Ver essa foto no Instagram

 

Vídeo 3.

Uma publicação compartilhada por Cacau Protásio (@cacauprotasiooficial) em

 

 

Leave a Review

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui