Compartilhamento de arquivos é religião na Suécia

0

Receba atualizações em tempo real grátis

Publicidade

A Igreja de Kopimismo (Church of Kopimism) foi registrada como uma organização religiosa pelo governo da Suécia. Para a Igreja de Kopimismo, a informação é sagrada e cópia é um sacramento, segundo comunicado da organização, e acrescenta que a informação tem um valor, que é multiplicado através das cópias. Portanto, a cópia é algo central para a organização e seus membros. Os símbolos da religião são o Ctrl+C e o Ctrl+V.

“Esperemos que com este passo um dia podemos viver a fé sem medo de perseguição” diz Isak Gerson fundador do grupo religioso. Atualmente, mais de 3 mil pessoas já se juntaram ao Kopismo.

"Um monte de pessoas teme ir para a prisão quanto copiam e modificam arquivos. Espero, em nome do Kopimi, que isso vá mudar", explica o estudante de filosofia Isak Gerson, fundador do grupo religioso.

Os suecos costumam ser pioneiros nas tentativas de legalizar a troca de arquivos pela internet, além de gostarem de exaltar o seu lado “pirata”. Foi na Suécia que surgiu o Partido Pirata, que já está oficialmente registrado em 40 países pelo mundo, com alguns representantes eleitos para cargos legislativos em alguns países, inclusive. O partido busca uma discussão a respeito dos direitos autorais de forma que quem baixa arquivos pela internet não seja considerado criminoso, principalmente.

Publicidade

Receba atualizações em tempo real grátis

Deixe um cometário :)

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.