Entrega do Imposto de Renda começa em 1 de março

0

Receba atualizações em tempo real grátis

Publicidade

A entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física começa a ser entregue no dia 1º de março. Tendo como ano base o exercício de 2012, as declarações devem ser enviadas à Receita Federal até o dia 30 de abril. Assim como nos últimos anos, as declarações podem ser entregues até as 23h59min59seg da data limite.

Neste ano, está obrigado a declarar IR, o contribuinte pessoa física que, ao longo de 2012:

– Recebeu rendimentos tributáveis, sujeitos ao ajuste na declaração, cuja soma foi superior a R$ 24.556,65;
– Recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40.000,00;
– Obteve, em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;

Sobre aqueles que exerceram atividade rural, estão obrigados a declarar quem obteve receita bruta em valor superior a R$ 122.783,25, e aqueles que pretendem compensar, no ano-calendário de 2012 ou posteriores, prejuízos de anos-calendário anteriores ou do próprio ano-calendário de 2012

Da mesma forma, aqueles que passaram à condição de residentes no Brasil em qualquer mês de 2012 e nesta condição se encontravam em 31 de dezembro também precisarão declarar o IR.

Melhor opção

Para escolher entre a declaração simplificada e a completa, o contribuinte deve preencher o programa gerador, que informará qual é a melhor opção. Neste ano, o desconto simplificado – que substitui todas as deduções pelo abatimento de 20% dos rendimentos tributáveis – está limitado a R$ 14.542,60.

O contribuinte que optar pela completa deve separar todos os recibos médicos, despesas com educação e dados de todos os dependentes, inclusive do cônjuge.

Publicidade

No caso de dependentes com rendimentos, os valores também precisam ser informados. Nesses casos, o contribuinte deve avaliar se não é mais vantajoso que o dependente declare em separado. Os contribuintes com mais de 60 anos são beneficiados pelo Estatuto do Idoso e têm prioridade na hora das restitui.

Os contribuintes com mais de 60 anos são beneficiados pelo Estatuto do Idoso e têm prioridade na hora das restituições.

Facilite sua vida

Confira os principais documentos importantes para você ter em mãos na hora da declaração :

1- Cópia da declaração entregue em 2012 (ano-calendário 2011), o arquivo da declaração é melhor ainda.
2- Informes de rendimentos de instituições financeiras, bem como de salários, pró-labore, distribuição de lucros, aposentadorias etc.
3- Recibos e notas fiscais relativos a despesas com saúde
4- Comprovantes de despesas com instituições de ensino
5- Recibos de pagamentos à previdência privada e oficial
6- Recibos de aluguéis pagos ou recebidos
7- Recibos de pagamentos de prestação de bens como imóvel e carro
8- Comprovante de doações para fins de incentivos fiscais (Fundos da Criança e do Adolescente, Lei Rouanet, Audiovisuais etc.)
9- Todos os documentos acima referentes a dependentes, além do número do CPF de dependentes maiores de 18 anos e de todos os alimentandos
10– Dados da conta bancária para restituição ou débito das cotas do imposto

Receba atualizações em tempo real grátis

Deixe um cometário :)

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.