A

Google obrigará todos novos smartphones estarem com Android 10

Celulares de 2020 já sairão com o sistema operacional atualizado

0

Receba atualizações em tempo real grátis

A Google limitará o lançamento de celulares usando o Android 9 Pie até o dia 31 de janeiro de 2020. Todos os aparelhos certificados para o lançamento a partir do dia 1º de fevereiro deverão sair de fábrica já com o Android 10 instalado.

A medida tem como objetivo erradicar a fragmentação do sistema operacional, uma vez que ainda é possível encontrar aparelhos com versões bem devassadas, como de cinco anos atrás.

Tal decisão, apenas impedirá que os novos modelos sejam lançados com sistema operacional anteriores, uma vez que estará liberado a comercialização dos modelos antigos que ainda estejam em estoque.

A medida da companhia tem uma mega importância porque fará com que mais de 90% dos aparelhos lançados em 2020 já estejam com a última versão do sistema ao ir para as lojas, o que vai trazer ótimos benefícios para os usuários no quesito de segurança e privacidade.

Todavia, a ascensão e evolução dos smartphones têm disponibilizado no mercado aparelhos cada vez mais maiores e completos, o que permite o usuário a retardar a troca do dispositivo.

Se as fabricantes optarem a limitar os seus dispositivos a mínimas grandes atualizações do sistema, a Google não conseguirá resolver o problema da fragmentação do android.

Segundo a XDA Developers, há formas das fabricantes conseguirem contornar essa medida da Google sem quebrar regras, uma vez que as empresas que não se adequarem perderiam a licença de utilizar o sistema operacional.

O que pode ser feito é os fabricantes submeterem um aparelho para aprovação do Google antes do dia 31 de janeiro de 2020, porém lançar o mesmo após esta data.

Desta forma, tecnicamente, não teria nenhuma violação das regras já estabelecidas e este dispositivo chegaria tranquilamente com o Android 9 Pie, sem correr riscos de retalia.

Mesmo assim, a possibilidade das empresas se apropriarem deste “truque” é mínima, pois, uma vez que acatem a ordem de instalar o Android 10, estarão asseguradas com o Project Mainline, a política de software do Google que disponibiliza as atualizações e patches de segurança sejam previamente instalados via a Play Store.

Desta forma, reduzirá o número de atualizações operacionais necessárias pelas fabricantes.

Ficou curioso para saber o que esperar do android 10? Veja as novidades no site oficial da empresa.

Receba atualizações em tempo real grátis

Deixe um cometário :)

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.