A

Mãe que matou filho por ele ser gay finalmente é condenada

0

Receba atualizações em tempo real grátis

Tatiana matou seu o filho, Itaberli de 17 anos,  ela ão aceitava o fato de o filho ser gay e planejou o crime, que ocorreu em dezembro de 2016.

De acordo com UOL, Itaberli  denunciou a mãe, pois estava sofrendo muita agressões e chegou a morar com a avó, até que a mãe o chamou para fazer as pazes.

Foi quando a mãe e mais dois homens o espancaram até a morte e a própria mãe deu uma facada no pescoço do filho e após o crime e ainda queimou o cadáver.

Mas ontem 27/11 o Tribunal do Júri condenou Tatiana a 25 anos e 8 meses de prisão em regime fechado, Tatiana Lozano foi condenada por homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver .

Itaberli
Itaberli Lozano (ao centro) com a família em post no Facebook

Outros dois envolvidos no crime, Victor Roberto da Silva e Miller da Silva Barissa, foram condenados, cada um, a 21 anos e 8 meses de reclusão.

Durante o processo, o padrasto contou que a mulher havia relatado a ele como havia dado as facadas que mataram o filho.

Receba atualizações em tempo real grátis

Deixe um cometário :)

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.