Saiba quais as vantagens de contratar um seguro residencial

O aumento da violência é uma triste realidade que têm chegado a quase todas as cidades brasileiras. Em estados como o de São Paulo, o número de invasões residenciais é alarmante: um imóvel é roubado a cada hora, segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado. Situações como essa, levam cada vez mais os brasileiros a procurar um seguro residencial que dê segurança para os seus lares, buscando se prevenir de qualquer circunstância de risco.

Como o período entre os meses de dezembro a março são épocas tradicionalmente de férias no país e comumente marcadas por fortes chuvas, a procura pelas franquias de seguradoras aumenta cerca de 10% no país, por isso, vale a pena ficar atento para alguns pontos antes de adquirir seguro residencial.

O primeiro deles que merece destaque nesse momento é o fato de reforçar a importância do seguro residencial para o contratante do serviço. É comum que as pessoas sempre fechem seguros para os carros assim que adquirem um novo veículo, mas os seguros residenciais nem sempre são lembrados pelos consumidores.

Tendo em mãos uma apólice de seguro para sua casa, você estará prevenido não só contra atos de violência e roubo, mas também contra outros possíveis sinistros, de acordo com as normas do seu pacote, como: incêndios, enchentes e alguns problemas residenciais. Isso dá uma tranquilidade para o proprietário da casa em saber que o seu lar tem uma proteção para imprevistos que podem atingir qualquer pessoa.

Como esse período do ano é marcado por uma busca maior de pessoas que querem contratar um seguro residencial, normalmente os valores de apólices tendem a aumentar cerca de 30%.

É sempre muito importante se avaliar qual o impacto que o valor do seguro trará para o seu orçamento mensal, dessa forma, evitando acordar coberturas desnecessárias que vão encarecer o preço final do serviço.

Uma boa alternativa nesses casos é a contratação de um seguro simplificado, como o Casa Fácil da Cardif, que oferece coberturas e atendimentos essenciais para a sua residência, por um preço acessível.

Por fim, a última dica nesse momento é a atenção redobrada para os termos que regem o seu contrato com a seguradora. Atualmente, menos de 15% dos brasileiros possuem um seguro residencial, segundo a Federação Nacional de Seguros Gerais (FenSeg).

Por mais que esses números venham crescendo, muitas pessoas ainda não adquiriram uma apólice porque têm dúvidas sobre como funciona esse tipo de serviço. Antes de fechar o seu contrato, vale a pena se informar de todas as coberturas dele, dessa forma, evitando problemas futuros na hora que precisar acionar a sua franquia. A ajuda de um especialista na área também pode te dar a segurança necessária para fechar o seu seguro.

Receba atualizações em tempo real grátis

Comentários