Tecnologia Crianças e internet: Como controlar o acesso dos pequenos

Crianças e internet: Como controlar o acesso dos pequenos

-

Não há como negar o fato de que as crianças de hoje já nascem em um mundo plenamente tecnológico. Com isso, tem acesso mais fácil e aprendem melhor a usar os mais diversos dispositivos. Entre eles, estão os smartphones e tablets que chegam cada vez mais cedo às mãos dos pequenos.

Ainda assim, pais e responsáveis devem ficar de olho no que as crianças andam fazendo no mundo virtual, afinal, estamos falando de um universo muito amplo e, em muitas situações, perigoso. O mais legal é que é possível acompanhar mais de perto os acessos das crianças a esse mundo virtual.

Veja como fazer isso logo a seguir:

Como controlar o acesso de crianças nos celulares

Se o aparelho tiver o sistema operacional Android é possível limitar o acesso a apps, sites, filmes, músicas e vídeos em geral. Para fazer isso basta acessar a Play Store – > Configurações – > Controle dos pais. Nessa última etapa é possível definir qual é a faixa etária dos itens citados que poderão ser acessados pelas crianças. Lembre-se que ainda é possível bloquear o acesso a músicas que tenham letras inadequadas para os pequenos.

No caso do iOS, os passos são os seguintes: Ajustes – > Geral – > Restrições. Agora você precisa tocar na opção Ativar Restrições e inserir uma senha para que consiga realizar as alterações que deseja. Depois de fazer isso é possível definir qual tipo de conteúdo pode ser acessado. Por exemplo, ao entrar em Sites você poderá apontar quais estão liberados para as crianças e quais não estarão.

Veja em nosso site – Como introduzir frutas e verduras na alimentação das crianças ?

Como controlar o acesso de crianças nos computadores

No caso do Firefox você pode instalar a extensão Parental Control. Já para fazer esse tipo de controle no Edge você poderá configurar a sua conta família. Aliás, por meio dessa conta, você também pode saber o que exatamente seus filhos estão acessando e quanto tempo gastam em determinado tipo de conteúdo.

Por fim, no Google Chrome o controle poderá ser feito por meio da página Configurações de Pesquisa. Basta acessá-la e clicar em Bloquear SafeSearch, com isso será possível evitar que as crianças tenham contato com conteúdos inapropriados.

Todos esses processos são simples e rápidos de serem feitos. No mais, nada melhor do que conversar com seu filho e deixar claro para ele que a internet, às vezes, pode não ser segura.

O que achou das dicas de hoje? Aproveite e compartilhe com seus amigos em suas redes sociais preferidas.

Leave a Review

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Novidades

Empresas de Laticínios fazem doações a comunidades carentes

As empresas de Laticínios estão fazendo uma grande ação de responsabilidade social neste momento de crise provocada pela pandemia...

Milhões de carros precisam de recall por airbags mortais

Uma falha de projeto do sistema de airbags de carros produzidos de 98 até 2010, podem mata. O que...

COVID-19 : A busca pela cura

O novo Coronavírus tem repercutido intensamente na rotina das pessoas em todo o mundo, modificando o estilo de vida...

Anticoncepcional engorda? Saiba a verdade

Será verdade que ao anticoncepcional engorda mesmo? Confira o que é verdade e o que é mito sobre isso. A...

Conheça as regras para ter o direito do auxílio emergencial de R$ 600

Nesta quinta-feira (26/03), a Câmara dos Deputados aprovou o auxílio emergencial para trabalhadores autônomos, desempregados e microempreendedores de baixa...

Natura se compromete a não demitir funcionários pelos próximos 60 dias

A Natura para proteger seus funcionários se comprometeu a não demitir nos próximos 60 dias. Em um comunicado interno...

Veja também

A Curiosidade é humana, ou do gato ?

A curiosidade matou o gato é um ditado popular...

Receita de brigadeiro de milho

Todo muno gosta de brigadeiro não é mesmo ?...
- Publicidade -

MaisNovidades
Veja o que mais é notícia